Guia do IPVA 2019: saiba quando, onde e como pagar o imposto

Guia do IPVA 2019: saiba quando, onde e como pagar o imposto

Para os motoristas brasileiros, já é hora de pensar em 2019. O IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) começa a ser cobrado em janeiro e é importante se organizar pra começar o ano numa boa. E a primeira notícia já é nesse clima: o imposto vai ficar mais barato no estado de São Paulo. Isso porque a tabela de valores venais dos carros (usada para calcular a taxa) teve queda média de 3,34%.

Confira tudo que você precisa saber sobre o pagamento do IPVA:

Quanto pagar?

O valor do IPVA é baseado em uma alíquota que é diferente em cada estado. As taxas variam sobre o valor venal do veículo no Brasil, que é determinado pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

Como referência, em São Paulo, a alíquota para veículos de passeio com motor a gasolina ou flex é de 4%, uma das mais altas do país. Veículos que utilizam álcool, eletricidade ou gás têm alíquota de 3%. As picapes cabine dupla pagam 4%. Os utilitários (cabine simples), ônibus, micro-ônibus, motocicletas, motonetas, quadriciclos e similares recolhem 2% sobre o valor venal. Já os caminhões pagam 1,5%.

Quando pagar?

As datas de pagamento do imposto variam de acordo com o estado e o final da placa de cada veículo. Confira a tabela de São Paulo com todas as datas de vencimento:

As datas para outras regiões podem ser consultadas no site do Detran ou da Secretaria da Fazenda de cada estado:

Acre

Alagoas

Amapá

Amazonas

Bahia

Ceará

Distrito Federal

Espírito Santo

Goiás

Maranhão

Mato Grosso

Mato Grosso do Sul

Minas Gerais

Pará

Paraíba

Paraná

Pernambuco

Piauí

Rio de Janeiro

Rio Grande do Norte

Rio Grande do Sul

Rondônia

Roraima

Santa Catarina

São Paulo

Sergipe

Tocantins

Formas de pagamento, onde e como

Você pode pagar o imposto em cota única no mês de janeiro com desconto de 3%. Mas também pode parcelar o valor em três vezes, de acordo com o final da placa do veículo. Aí o primeiro pagamento fica pra janeiro e as parcelas seguintes para os meses de fevereiro e março. Ainda existe a opção de quitar o imposto em uma parcela única no mês de fevereiro, mas sem desconto.

O pagamento pode ser feito apenas em uma agência bancária credenciada, levando o número do RENAVAM (Registro Nacional de Veículo Automotor), nos terminais de autoatendimento, pela internet ou débito agendado. E é bom ficar atento com boletos falsos recebidos em casa ou por e-mail que sejam referentes ao IPVA.  

O governo alerta que não envia boletos bancários para o pagamento do IPVA, nem por e-mail ou correspondência física. Você mesmo é quem gera o documento exclusivamente no site do Banco Bradesco ou no portal da Secretaria da Fazenda.

Atrasos e multa

Se você deixar de pagar o imposto no prazo estipulado, recebe uma multa de 0,33% por dia de atraso e juros com base na taxa Selic. Depois de 60 dias, o valor da multa fica fixado em 20% do valor do imposto. Quem continuar inadimplente ainda pode ser impedido de fazer o licenciamento do carro no prazo.

Como consequência, o veículo pode ser apreendido com recebimento de multa e o proprietário recebe sete pontos na CNH. Então é bom ficar atento no calendário e consultar o Detran do seu estado para saber mais informações.

Prêmio

Outro pagamento que deve ser feito junto com a primeira parcela do IPVA é o prêmio do seguro obrigatório DPVAT.  No caso de parcelamento do prêmio em três vezes (permitido para motos e similares, vans, ônibus e micro-ônibus), as parcelas devem ser pagas de acordo com o calendário de vencimento do IPVA.

Isenções

Em São Paulo, veículos com mais de 20 anos de fabricação, taxistas, pessoas com deficiência, igrejas, entidades sem fins lucrativos, veículos oficiais e ônibus/micro-ônibus urbanos têm direito à isenção do imposto. 

Restituição do IPVA

Quem tem o Seguro Auto Youse também pode contratar a assistência de Restituição de IPVA. Se seu carro for roubado ou furtado, a gente cobre as despesas que você tiver com o despachante para pedir o reembolso do valor pago.